Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O melhor Pai do Mundo

Ser Pai é uma experiência que merece ser partilhada. Este espaço é dedicado a todos os Pais que receberam dos seus filhos o título de "O melhor Pai do Mundo".

08.Mai.15

Pai, tu és mesmo forte

pai-tu-es-mesmo-forte.png

Ser um Pai aplicado implica estar em forma, ou não! Gerir as correrias, as cambalhotas, os saltos para o sofá ou o ir buscar os brinquedos que se meteram debaixo dos móveis, exigem do Pai cuidados especiais com o seu corpo, (novamente) ou não!


Li num artigo que o que está a fazer furor no universo feminino é o "Dad bod" que traduzido sem ser à letra quer dizer "Pai de família". A definição oficial é a seguinte:

Dad Bod é um homem com um corpo pouco moldado, porque só vai ao ginásio quando lhe apetece e apreciador de um bom petisco.

Ou seja o homem real. Dizem elas que este espécimen é mais fofo nos abraços. Acredito!

Para o meu filho os músculos do Pai são os mais fortes, especialmente quando faz beicinho para que lhe peguem ao colo. Aí diz "Pai, tu és mesmo forte".

O Pai

Fonte: Metrossexual já era. Agora o homem adorado pelas mulheres é o dad bod

04.Mai.15

Pai, dá-me um abraço apertado

pai-da-me-um-abraco-apertado.png

Ser Pai tem tudo. É darmos tudo pelos nossos diamantes, mas é muito receber. E neste aspeto, quanto vale um abraço apertado, daqueles que nos deixam sem ar mas ao mesmo tempo nos enchem o coração?

Há dias cruzei-me com um artigo na internet que dizia que precisamos de 8 abraços por dia para vivermos de boa saúde!!

Os estudos que chegaram a esta conclusão apontaram os 10 benefícios de darmos e recebermos um abraço:

1. Constroem uma relação de confiança e uma sensação de segurança. Assim, o diálogo entre as pessoas será beneficiado, sendo mais aberto e honesto.

2. Aumentam, instantaneamente, os níveis de oxitocina, que curam sentimentos de solidão, isolamento e raiva.

3. Elevam os níveis de serotonina, para aumentar o humor e gerar felicidade. Para isso, o abraço precisa ser longo.

4. Fortalecem o sistema imunológico. A suave pressão realizada durante o ato de carinho eleva a carga emocional. Isso estimula a glândula timo, que regula e equilibra o corpo para a produção de glóbulos brancos, que o mantém saudável e livre de doenças.

5. O abraço pode aumentar a autoestima. A partir do momento em que nascemos, recebemos estímulos através do toque dos pais e da família, o que demonstra que somos amados e especiais. Os carinhos que recebemos da nossa mãe e do nosso pai enquanto crescemos, permanecem gravados no nosso sistema e são relembrados sempre que damos um abraço.

6. Relaxam os músculos e libertam a tensão no corpo. Abraços podem tirar a dor, ou acalmá-la, aumentando a circulação.

7. Equilibram o sistema nervoso.

8. Ensinam a dar e a receber.

9. Geram um resultado semelhante ao da meditação e das gargalhadas, ensinando-nos a estar verdadeiramente presentes naquele momento.

10. A energia trocada entre duas pessoas durante o abraço é um grande investimento para o relacionamento. Isto fomenta a empatia e o entendimento.

Eu sempre que posso peço um abraço ao meu filho, mas é bem melhor quando ele chega perto e diz "Pai, vou-te dar um abraço muito apertado. Olha que eu tenho força de super-herói. Prepara-te".

O Pai

Fonte: paisefilhos.com.br